top of page
Post: Blog2_Post
  • Foto do escritorAdriana Ferreira

Resenha do Livro: Aprender a falar com as plantas, de Marta Orriols

Atualizado: 5 de jan.

O encontro de uma médica, que se dedica a manter vivos bebês prematuros, com a morte precoce e inesperada de seu marido.

banner-raizes-resenha-do-livro-aprender-a-falar-com-as-plantas-Marta-Orriols

Confira a resenha do livro Aprender a falar com as plantas, de Marta Orriols, traduzido por Beatriz Regina Guimarães Barboza e Meritxell Hernando Marsal, publicado pela Dublinense em 2022.


Quão preparada para enfrentar a morte está alguém que convive diariamente com ela?


Era pra ser um almoço comum, mas ele o escolheu para anunciar que tem outro relacionamento e quer se separar. Ela, sem reação nenhuma, mal se despede do marido, que ao sair se envolve em um acidente e morre. E em meio a essa desordem, a protagonista de Aprender a Falar com as Plantas, começa a juntar seus cacos, em uma mistura de raiva, decepção, amor e saudade.


“Me pergunto como posso guardar sua lembrança intacta e de uma maneira justa”.

Ela é Paula, médica neonatologista que salva bebês prematuros diariamente. Uma mulher muito pragmática, um tanto antissocial e muito envolvida com seu trabalho, que mal se permite descansar. Ele é Mauro, o marido que trabalhava em uma editora, gostava de plantas e chás e os cultivava em casa, era mais sociável e tentava trazer leveza para o relacionamento.


Eles tinham uma relação comum. Uma rotina amigável, mas um convívio extremamente impactado pelo excesso de trabalho, em que o cansaço e desencontros diários afastavam o casal lentamente. Não falavam sobre o assunto, seguiam a vida, esperando que um dia, talvez nas férias ou na próxima viagem, a conexão voltasse e tudo ficasse bem.


Mas, quanto tempo disponível ainda temos?


Em meio a culpa pelo que não fez ou disse, mas também muita dor pelo que vai descobrindo da vida paralela do marido, Paula nos mostra como a vida insiste em continuar, mesmo depois de um acontecimento tão doloroso. Os dias passam, as pessoas vêm e vão, as datas comemorativas chegam, o trabalho, os amigos, a família… Conviver com tudo isso, em um ambiente onde tudo lembra Mauro e a vida que tinham, se torna um desafio constante.



“É infantil acreditar que o Mauro ainda esteja em algum lugar depois de ser reduzido a dois quilos e meio de cinzas, mas, se ele ou seu suposto espírito estivesse em algum canto deste planeta, seria aqui, nesta varanda, no meio dessas plantas”.

Nesse caos, sem outra alternativa, Paula precisa enfrentar seus sentimentos. Começa então a olhar para dentro, se permite sentir, se reconectar consigo e nesse processo reflete muito sobre quem é, sobre o rumo que seu casamento tomou e, porque o marido a traía. E de repente, alguém como ela que tanto se privou da vida, escolhe viver, mesmo em meio a morte.


Não se trata de recomeçar, simplesmente, mas, de deixar fluir, de encarar a situação, sentir o que vier e ir em frente. E quando a vida se impõe não há outra alternativa, a não ser viver. 


“Estranho a minha voz. Me espanta reconhecer que soou limpa e honesta, curada, como se de repente cumprisse com todos os requisitos para poder me dar alta”.

Um livro muito tocante, que escancara nossa finitude, reflete sobre o inesperado, sobre guardar pra si sentimentos, dúvidas, anseios que talvez não possam ser respondidos. Impossível não pensar nos clichês: diga o que precisa ser dito, demonstre seu afeto, amor, conviva, aproveite, não sabemos o que nos espera no próximo segundo.


Uma linda história de amor e respeito, não só entre o casal, mas principalmente por si.


 

Deixo aqui o link para adquirir o livro e ainda ajudar o Raízes: Aprender a Falar com as Plantas, na Amazon.

 
foto-adriana-ferreira-escritora-blog-raizes

Obrigada por ler! 🤓

Espero que tenha gostado e se inspirado a ler o livro.

📨 Se quiser acompanhar as novidades do blog, se inscreva em nossa newsletter, é grátis.

🔗 Se quiser compartilhar esse texto com amigos, use os botões abaixo e leve-o para sua rede social preferida.

Nos vemos no próximo texto 🥰



74 visualizações0 comentário

Posts Relacionados

Ver tudo
bottom of page