top of page
Post: Blog2_Post
  • Foto do escritorAdriana Ferreira

Série de Conteúdo: Adorado, Objeto Livro - A Anatomia do livro

Atualizado: 21 de dez. de 2023

No primeiro texto da série Adorado, Objeto Livro, vamos juntos explorar a anatomia do livro.

banner-raizes-serie-de-conteudo-adorado-objeto-livro-Anatomia-do-livro

O objetivo aqui é apresentar brevemente as partes que formam um livro físico, de acordo com termos técnicos utilizados no mercado editorial.


Conteúdo ideal para leitores mais curiosos e também, escritores e escritoras, que vão publicar seu primeiro livro. Confira os demais textos da Série de Conteúdo: Adorado Objeto Livro aqui.


Quer ajuda com sua primeira publicação, vamos conversar?

 

Vamos juntos aprofundar nossos conhecimentos sobre esse objeto que tanto adoramos?



Estrutura básica do livro:


banner-raizes-serie-de-conteudo-adorado-objeto-livro-Anatomia-do-livro
Imagem é uma reprodução de estantelz.com

  • Capa - Parte que nos conquista — ou não — à primeira vista. Normalmente apresenta o título da obra e nome do autor compondo o design, com foto, ilustrações ou afins. Mas não é regra, na foto, exemplos de edições com capas totalmente lisas sem nenhuma informação sobre a obra. Tais escolhas dependem da estratégia da publicação.

blog-raizes-capas-livro-lisas
Livros de capa lisa

Quando o livro é premiado ou está presente em importantes rankings de leitura, é na capa que essa informação vem destacada. Também é comum vermos nesse espaço, comentários de personalidades relevantes recomendando o livro, os chamados blurbs.


A capa dura, chamada hard cover, é um tipo de capa mais firme e resistente, normalmente presente em edições de luxo ou especiais. Ou então, a capa de brochura, também chamada paperback, mais maleável, o tipo mais comum.


Por ser a parte mais visível do livro, o local pode receber mais atenção no design e investimento em diferentes tipos de impressão, tudo para chamar a atenção e conquistar o leitor.


Na etapa de criação, deve-se considerar a temática do livro e seu público alvo, além de um estudo de mercado para compreender como são as capas de livros desse gênero no mercado. Sempre com a intenção de se destacar, atrair o leitor e poder lhe dar as informações necessárias para decidir pela compra.


Na etapa de impressão as possibilidades são infinitas e quão mais especial for a edição, mais recursos poderão ser utilizados. Há no mercado uma diversidade de acabamentos de impressão, que causam diferentes efeitos, como fosco ou brilho, por exemplo, e despertam sensações ao toque, como relevo, soft touch, etc.


Detalhes que podem deixar o leitor encantado e mais tentado a levar a edição pra casa. Mas, que também impactam no preço de produção do livro, exigindo então uma análise estratégica da relação custo x benefício.


Na foto abaixo, a critério de exemplo, uma capa com uma foto com uma queda de confetes dourados que possuem uma textura diferente do resto da capa. Nesse caso, houve a utilização do tipo de impressão chamado hot stamp.


  • Contracapa - nada mais é do que o verso do livro, também chamada de quarta capa. Nela contém a sinopse do livro, um dos paratextos mais importantes, depois do título, para vender seu livro. Como na capa, esse espaço pode apresentar comentários de pessoas importantes ou veículos que recomendam a obra.

Normalmente, ficam ali também o nome da editora e o código de barras do livro, com o registro de ISBN (International Standard Book Number).



blog-raizes-anatomia-do-livro
Exemplo de contracapa com sinopse e blurbs.
  • Lombada - parte lateral do livro, aquela que fica visível quando ele está exposto na estante. Geralmente apresentam título, nome do autor e o selo da editora.


Várias publicações investem em lombadas atraentes, afinal ao expor os livros na estante essa parte é a mais vista. Por isso, para conquistar o leitor também precisa ser caprichada.


Algo que costuma incomodar os mais detalhistas e exigentes com a organização dos livros na estante, é a diferença na direção do texto na lombada: alguns livros estão com o texto escrito de cima para baixo, outros de baixo para cima e ainda há os na horizontal, o que pode causar uma certa bagunça na sua prateleira.

foto-site-conteudo-raizes-diferentes-lombadas-livros
Textos da lombada em diversos sentidos

Acontece que não há uma regra que determine como o texto deve aparecer, o que existe no mercado são dois padrões: americano e europeu, e cada editora escolhe a que mais lhe agrada, de acordo com seu estilo.

blog-raizes-tipos-de-lombada-europeia-americana
Imagem é uma reprodução: capista.com.br

- Lombada americana: traz o texto escrito de cima para baixo. É o formato mais comum, escolhido pela maioria das editoras aqui no Brasil. Podemos dizer que esse padrão facilita a leitura do título, ele estando na estante ou sobre a mesa.


- Lombada europeia: traz o texto de baixo para cima. Não é tão comum, mas algumas editoras brasileiras optam por esse padrão. Além de na estante deixar o livro com o texto na direção oposta a maioria, quando posto sobre a mesa, o título fica de cabeça para baixo.


Há ainda algumas editoras que optam por escrever o texto da lombada na horizontal. Normalmente, isso acontece nos calhamaços, que por consequência, tem mais espaço e permite a escrita nessa direção.


  • Joint - parte interna da lombada onde as folhas são presas, normalmente por cola ou costura, juntando todas as partes e formando o livro. Na foto, detalhe dessa parte em um livro e brochura. Nesse caso, os vários blocos de folhas, os chamados cadernos, estão presos por cola.

foto-site-conteudo-raizes-joint-livro
Joint do livro
  • Corte - formado pelas laterais do livro, onde vemos o papel. Essa parte ganha um refilado e um acabamento para deixar o papel liso e alinhado.

A maioria dos livros tem os cantos quadrados, mas podemos encontrar alguns cortes arredondados. Há uma variedade grande de acabamentos nessa parte do livro, podemos encontrar cortes coloridos, dourados ou prateados, com desenhos de formas ou palavras.

blog-raizes-anatomia-do-livro-corte
Exemplo de corte colorido.
  • Miolo - parte interna do livro onde fica o seu conteúdo. Essa parte é composta por diversas outras partes, que detalhamos neste post aqui. Lá falamos da escolha do papel, forma de impressão e os tipos de texto que o compõem.


 

E aí, já conhecia todas as partes que compõem o livro? Comenta aqui embaixo!

Sugiro seguir a leitura com o texto sobre o miolo do livro.



Se precisar de ajuda com sua publicação, entre em contato!

 
foto-escritora-dri-ferreira-blog-raizes

Obrigada por ler! 🤓

Espero que tenha gostado e se inspirado a continuar lendo a série.

📨 Se quiser acompanhar as novidades do blog, se inscreva em nossa newsletter, é grátis.

🔗 Se quiser compartilhar esse texto com amigos, use os botões abaixo e leve-o para sua rede social preferida.

Nos vemos no próximo texto 🥰




Comments


bottom of page